Tags

, , ,

Desde o verão passado nos deparamos com algumas peças confeccionadas com tecidos de miúdas e delicadas estampas florais: a estampa liberty. Contudo, com a chegada da primavera, ocorre uma “febre bucólica” em nossos guarda-roupas e o que vemos são saias, vestidos, blazers e blusas com esse tipo de estampas.

O print foi criado e eternizado por Arthur Lasenby Liberty (1843 –1917), que abriu a loja “Liberty of London” em 1875, com apenas três funcionários. A loja – que vendia ornamentos, tecidos, antiguidades e artefatos do Japão e do extremo oriente – prosperou rapidamente, e em 1890, abriu uma filial em Paris. A filial francesa se tornou sinônimo de Art Nouveau, tanto que, algum tempo depois, na Itália, o novo estilo ficou conhecido como Stile Liberty.

A loja existe ate hoje e se tornou famosa por suas estampas do inicio do século 20. Por ser usada por grandes designers como Paul Poiret, Yves Saint Laurent, Cacharel e Jean Muir, tornou-se um clássico da moda.

Como usar?

Por ser uma estampa muito feminina, ela deixa qualquer look delicado, mesmo que as flores sejam um pouco maiores. Use de preferencia com peças sóbrias e por menor que seja a estampa, não misture-a com outros tipos de prints.

Anúncios