Tags

, , , , , ,

Traduzido para Noivo Neurótico, Noiva Nervosa, o filme de 1977, dirigido pelo seu protagonista Woody Allen, conta a história de Alvy Singer (Allen), um humorista judeu e divorciado que faz análise há quinze anos e acaba se apaixonando por Annie Hall (Diane Keaton), uma cantora em início de carreira e personalidade bastante peculiar. A trama mostra o relacionamento entre os dois com diálogos muito bem estruturados. Para criar Annie, muitas características foram roubadas de Diane e adicionadas à personagem. Podemos concluir que isso foi uma espécie de presente estranho que Woody Allen deu para sua namorada na época (sim, eles namoraram na década de 70).

Muito antes da febre boyfriend atual, o longa trouxe às telas a ousadia dos figurinos masculinos de Annie Hall. Em cena, a protagonista abusou de peças masculinas e desestruturadas como coletes, gravatas, blazers e, até mesmo, fraque. A personagem interpretada divinamente por Diane Keaton representou uma androginia que soube se apropriar dos melhores elementos do vestuário masculino.

Boatos indicam que a autoria do figurino de Noivo Neurótico, Noiva Nervosa se tornou motivo de mal estar entre a figurinista Ruth Morley e Woody Allen. Conforme entrevistas concedidas por Allen, as roupas utilizadas em cena eram um mix do guarda-roupa dele e de Diane, ou seja, o estilo da personagem pertencia à própria atriz, que já se vestia daquela maneira na vida real. A prova disso, são as roupas que atriz utiliza nos dias de hoje:

Diane Keaton divinamente vestida

Independentemente da autoria, o figurino de Annie Hall foi um marco na história do cinema, pois o excêntrico guarda-roupa de Diane, fez dela um ícone da moda bastante improvável da década de 1970 e deu um empurrãozinho nas mulheres que tinham vontade, mas não coragem, de assumir o look boyfriend.

Anúncios