Tags

, , , ,

Há 50 anos Marilyn Monroe ganhava definitivamente o status de mito, apenas complementada por sua misteriosa morte, somada aos famosos amantes, como o presidente dos EUA na época e, é claro, os  filmes feitos pela musa. Ela se tornou um clássico por si mesma, apesar de seus filmes ou polêmicas

Apesar de meio século da morte de Marilyn, a diva continua lembrada e adorada, tanto por seus clássicos quanto por sua sensualidade de bombshell que ilustrou na capa da primeira revista Playboy.

Hoje, falaremos sobre três clássicos da diva: Os homens preferem as loiras, O pecado mora ao lado e Quanto mais quente melhor, apenas alguns dos grandes filmes da diva, que foi muitas vezes subestimada pela mídia por seu esteriótipo de loira burra.

Clássico do cinema e da Brodway, Gentlemen prefer blondes lançou, a até então novata em Hollywood, Marilyn Monroe para os braços do público na época. O figurino no filme é icônico, principalmente por contar como famoso vestido rosa que Marilyn usa para cantar a também clássica canção “Diamonds are a girl’s best friends”.

Em Seven year itch, apesar do personagem de Marilyn não ter nome, é impossível olhar para qualquer coisa que não seja Monroe. Na clássica cena do metrô, Marilyn usa um vestido branco que eternizou a cena e foi leiloado por mais de seis milhões de dólares no ano passado.

Considerada uma das melhores comédias de todos os tempos, Some like it hot, tem Marilyn como Sugar Kane, a vocalista de uma banda que só de mulheres, que ajuda dois fugitivos da justiça a se disfarçarem como integrantes de sua banda.